Criança de sete anos de idade é internada as pressas com lesões múltiplas após ser estuprada pelos pais


Mais um crime bárbaro chocou todo o Brasil, uma menina de sete anos foi internada às pressas no Hospital Municipal Albert Schweitzer com lesões múltiplas em todo o corpo e hemorragia interna. O crime ocorreu em na última segunda feira, dia cinco e até hoje a criança está internada. Quem levou a menina às pressas para o Hospital foi a sua própria mãe, Rozana de quarenta e quatro anos, a mãe foi presa na hora acusada de estuprar e torturar a própria filha.

 

Segundo a mãe, a criança teria caído em casa mesmo, mas os médicos suspeitaram da história contada pela mãe e chamaram a polícia. Outro fato que levaram os médicos a suspeitar foi que os ferimentos da criança levavam a um claro estupro, múltiplas hemorragias internas. O estado da menina era tão delicado que precisou ser levada às pressas para a internação.

Assim que os policiais chegaram não houve dúvidas, deram voz de prisão a mãe por maus tratos, tortura, lesão corporal grave e estupro qualificado. Mas ainda assim a mãe da menina conseguiu liberdade provisória, dada pela Juíza Marcela Caram. Afirmou a Juíza que não há a necessidade de prender a mãe no momento até que saia o laudo médico e até que haja o depoimento da menina. A tia da criança foi chamada para que acompanhasse a menina no hospital e acabou revelando que a criança era estuprada e abusada sexualmente pela mãe e pai que  constantemente durante os estupros, introduzia objetos nos órgãos sexuais da criança.

Quando a menina nasceu foi abandonada e ficou sobre os cuidados de uma boa mulher porém ela faleceu e a criança acabou sendo encaminhada para a mãe biológica e desde então vendo sofrido abusos e maus tratos constantes. A mãe da criança por enquanto continua em liberdade provisória e sobre proteção da polícia já que toda a comunidade vem tentando linchar os pais da criança. A polícia vem investigando o caso, inclusive sobre a tia dela ter conhecimento e não ter denunciado antes as autoridades.

10506344



Deixe seu comentário!




x